(11) 5660-8302 / (11) 97122-8988 contato@merff.com.br

 

A gestão financeira de um restaurante é algo muito importante para a sobrevivência do negócio, tanto quanto servir uma boa comida e ter um atendimento de qualidade para os clientes.

Mesmo que esses sejam dois fatores essenciais para atrair clientes e conseguir lucratividade para seu negócio, você também necessita ter uma gestão financeira adequada para evitar prejuízos que impactem negativamente.

Pensando nisso, nós resolvemos trazer algumas dicas que são cruciais para que você consiga ter uma gestão financeira eficiente para o seu restaurante.

Continue acompanhando esse artigo até o final para saber tudo sobre o assunto.

Vamos lá!

 

 

Controle de fluxo de caixa é essencial

 

Dentro de uma boa gestão financeira de um restaurante, o controle de fluxo de caixa é essencial, pois é apenas através dele que é possível que você saiba os valores das despesas e da renda do seu negócio.

O controle do fluxo de caixa permite que você possa controlar todas as transações que são realizadas dentro de um período específico, podendo ele ser diário, semana ou ainda mensal.

O objetivo deve sempre ser manter o caixa do seu restaurante positivo, por isso mesmo é necessário fazer uma análise de onde o dinheiro está sendo gasto e de qual é a renda que entra diariamente e semanalmente.

Com esse controle do fluxo de caixa, você vai poder tomar algumas atitudes que ajudem a cortar os gastos desnecessários, e ainda promover uma maior economia e aumentar a lucratividade.

Caso você ainda não faça uso do fluxo de caixa no seu restaurante, então saiba que já é mais do que o momento de implementá-lo.

É necessário que você defina qual vai ser a periodicidade que o fluxo de caixa vai ser aplicado e caso haja muito movimento no seu restaurante, o ideal é fazer um controle de fluxo de caixa que seja diário.

 

 

Saber negociar com os seus fornecedores

 

Se você souber como negociar com os fornecedores do seu restaurante, então saiba que é possível conseguir uma maior economia e ainda obter produtos que tenham mais qualidade.

No mercado, existem muitos fornecedores de produtos alimentícios, alimentos e bebidas, então você deve procurar conhecer aqueles que oferecem maior qualidade nos itens.

Mais do que isso, também é preciso saber quais aqueles que oferecem as melhores condições de pagamento para você.

Outros pontos importantes no momento de negociar com os fornecedores são verificar os prazos de entregas, os valores que são cobrados e ainda as formas de pagamento.

Você deve conseguir sempre um ou mais fornecedores que tenham produtos de qualidade e que oferecem excelentes formas de pagamento, que tragam vantagens financeiras para o seu negócio.

 

 

Gestão eficaz do estoque

 

Um outro ponto de extrema importância na gestão financeira eficiente para o seu restaurante é uma gestão eficaz do estoque.

Ela é primordial para todo e qualquer restaurante que deseje trabalhar de maneira mais eficiente e ter um cardápio de qualidade, com bons produtos.

O controle eficiente do estoque do restaurante reflete de maneira direta na questão financeira do negócio, pois evita deixar alimentos parados, por exemplo.

Um restaurante com alimentos parados em seu estoque está perdendo dinheiro, da mesma forma que um negócio desse tipo no qual haja pouquíssimos produtos em estoque para preparar os pratos.

Assim, a gestão eficaz do estoque evita tanto o excesso quanto a falta de alimentos, pois o essencial é o equilíbrio.

Quando o seu estoque tem muitos alimentos em estoque, isso pode levar os mesmos a vencerem e assim você vai acabar perdendo muito dinheiro, reduzindo assim o seu fluxo de caixa.

Se o estoque apresenta-se praticamente vazio, então há o risco de que você perca a chance de vender pratos pela falta de alimentos, o que irá afetar diretamente a lucratividade do seu restaurante.

 

 

Desenvolva um planejamento anual

 

É importante que você desenvolva um planejamento anual para o seu restaurante, de modo que ele tenha metas que devem ser cumpridas.

Além disso, esse planejamento ainda irá mostrar, por exemplo, quais são os feriados e os dias festivos nos quais você deverá realizar promoções para os clientes.

Com um planejamento anual, também há a possibilidade de se prever aqueles meses nos quais haverá baixa nas vendas, para que assim seja possível preparar-se financeiramente de maneira antecipada para esses períodos.

É nesses meses onde você também poderá fazer promoções que atraiam o público, gerando assim mais vendas e entrada de dinheiro.

O fato é que todo o planejamento deve sempre focar em manter um bom fluxo de caixa e uma eficaz gestão financeira para o seu restaurante ao longo de todo o ano.

 

 

Desenvolva ações que ajudem na redução dos desperdícios

 

Um dos maiores problemas enfrentados pelos restaurantes, sem sombra de dúvidas, é a questão dos desperdícios, o que impacta de maneira direta na gestão financeira desses estabelecimentos.

Por isso mesmo é que conseguir reduzir esses desperdícios é uma preocupação que é constante para donos e gestores de restaurantes, e eles estão sempre em busca de ações que ajudem a solucionar essa questão.

Assim, você deve sempre considerar a criação de ações preventivas que ajudem na melhora dos resultados do seu restaurante, reduzindo o desperdício e melhorando a gestão das finanças.

É o caso, por exemplo, de criar as fichas técnicas para cada prato que é preparado e servido no restaurante, algo que muitos ainda não fazem.

Essas fichas técnicas irão dizer exatamente o que é consumido em termos de produtos para cada um dos pratos, evitando usar mais do que o necessário, o que ajuda a reduzir o desperdício de alimentos.

Outra ação que evita o desperdício é saber como armazenar da forma correta os alimentos, de modo que eles não estraguem, assim como evitar falhas operacionais que podem trazer perdas financeiras.

Uma dica é usar softwares que ajudem no controle do estoque, de modo que só se compre produtos quando eles forem necessários e se evite o acúmulo.

O software ainda permite que você saiba quais são os alimentos mais próximos do vencimento e que devem ser usados mais rapidamente para evitar as perdas.

Por último, você pode criar algumas promoções para usar os alimentos próximos da data de vencimento, evitando desperdiçá-los e ainda gerando um lucro para o restaurante.